32 caminhos de sabedoria – Guimel – A Papisa

Mostre a sua GRATIDÃO e curta nossa página no Facebook:

32 caminhos de sabedoria – Guimel – A Papisa >> a Papisa, ou A Grande Sacerdotisa, corresponde ao décimo terceiro caminho de sabedoria

Apesar de vir envolta em véus de mistério, é a descida da Luz que vem de Chokmah e que desce até Chesed.

32 caminhos de sabedoria - Guimel

32 caminhos de sabedoria – Guimel

A Luz Divina desce pelo pilar da Misericórdia, mas só pode ser percebida pelos iniciados, aqueles que já atingiram o nível de entendimento e verdade, pois sua Luz é revelada, mas se mantém encoberta e tem que ser decifrada, o que torna sua visão e entendimento impossível aos intelectos ainda frágeis dos que ainda não atingiram este nível.

É ainda a descida da Luz do triângulo superno até o mundo visível e concreto, a primeira vez que o fogo encontra a água, e é, portanto, uma carta feita de espírito e será percebida no nível emocional e intuitivo, representado pela água de Briah.

32 caminhos de sabedoria – Guimel – Um caminho elevado

A Luz que se origina em Atziluth desce ao nível Beriático, mas é ainda um nível muito elevado para os que ainda não adentraram os mistérios da iniciação.

Ela revela a verdade, mas parcialmente, como se vê na representação dos véus que a cobrem parcialmente.

Por estar à frente do véu, representa a primeira vez em que a Luz se revela, ainda que parcialmente – é o primeiro véu se rasgando.

Olhar para a verdade que ela mostra parcialmente pode cegar os que ainda não tem capacidade de compreender, e quando ela aparece em uma leitura fala de verdades que estão ocultas, já que quem a procurou em busca de respostas ainda não está preparado para recebe-las.

32 caminhos de sabedoria – Guimel – reinando sobre a riqueza

Fez a letra Guimel reinar sobre a riqueza, rodeou-a uma coroa, permutou uma com outra e com elas formou Júpiter no Universo, o Domingo no ano e o olho direito na Alma, macho e fêmea.

Deste trecho do Sefer Ietsirá podemos ainda deduzir como a Sabedoria reinando sobre a Riqueza, o que faz muito sentido em nossa vida de boas práticas.

Chesed representa a Graça, a Misericórdia, o lado misericordioso do Eterno, e também rico e abundante.
Entretanto, se não for usado com a Sabedoria representada por Chokmah, dará lugar ao lado negativo de Chesed, o mal.

Por ser um caminho lunar, traz também a mensagem de que muitas ilusões e imagens distorcidas podem esconder a verdade que tanto buscam, e é uma advertência contra as ilusões.

A Lua tem uma natureza dupla positivo/negativo.

Insistir em conhecer seus mistérios e verdades, apesar da advertência dos seus véus, pode trazer respostas que não se quer ouvir, verdades que não se quer encarar.

32 caminhos de sabedoria – Guimel – retidão como requisito

Força moral e retidão são exigidas para os que querem conhecer seus mistérios, andar em seus caminhos, em sua descida até Chesed, o caminho de Guimel, que é a segunda carta do Tarô e o décimo terceiro caminho.

O uso da sabedoria para um propósito superior e elevado é um requisito neste caminho, já que Júpiter é também um dos planetas ligados a lei, e o oposto da paz é o mal.

Com Guimel Ele formou isto: Júpiter, o Domingo, o olho direito, a paz e o mal.
Sefer Ietzirá, versão Saadia, capítulo 8.

Guimel significa camelo, e mostra que resistência é importante para se cruzar este caminho, e por ser uma das sete letras duplas do alfabeto hebraico exprime dois sons, um forte – positivo, e outro suave – negativo, e nos diz que o livre arbítrio será decisivo neste caminho.

Suas mãos repousam sobre um livro, e o conhecimento é uma das chaves que desvendam este mistério.

32 caminhos de sabedoria – Guimel – Sefer Ietsirá

O décimo terceiro caminho liga o segundo caminho – Consciência Radiante (Séchel Mas´hir) – a Segunda Glória, ao quarto caminho – Consciência Estabelecida (Séchel Cavúa).

O Décimo terceiro caminho é chamado Consciência Diretora da Unidade (Séchel Man´hig haAchdut).

É chamado assim porque é a essência da Glória.

Representa a culminação da verdadeira essência dos seres espirituais unificados.

Sobre o autor

Cristinna Saviani

Cristinna Saviani tem sua formação clássica em Farmácia e Bioquímica pela PUCC, com foco em Homeopatia, Fitoterapia e Florais.
Estudante e praticante de Cabala desde a adolescência, iniciou seus estudos de astrologia como autodidata em 1997, posteriormente fazendo vários cursos de formação na área, na qual tem atuado profissionalmente desde o ano de 1999.
Acreditando que a maior qualidade da astrologia é levar o indivíduo ao autoconhecimento e consequente evolução, aprofunda a análise de seus clientes em todos os níveis disponíveis para que se chegue ao cerne das questões que inquietam e atrapalham a vida nos diversos campos da vida.
Natural de Campinas - SP, vive atualmente em Fortaleza, onde atua
na área de publicidade (CEO Staff Publicity), programação web, marketing e astrologia, fazendo análises de tema natal, previsão e mapa anual de fertilidade feminina.

Deixe um comentário