Blog

Kundalini – o despertar do fogo sagrado

Kundalini – o despertar do fogo sagrado
Escrito por Ariel bar'Zlay

Kundalini – o despertar do fogo sagrado

Kundalini – em nós existe uma energia semi-adormecida que é conhecida como Kundalini, ou Fogo Serpentino , que se localiza na base da coluna vertebral, em um osso chamado sacro.

Muitas pessoas buscam despertar a Kundalini, com o intuito de conseguir a iluminação, mas fazer isso de maneira descuidada e despreparada pode ser bem mais perigoso do que parece, tanto para o corpo quanto para a nossa psique.

Por isso é tão importante que esse despertar seja orientado e preparado.

kundalini

kundalini

Por meio de rituais, exercícios e meditações, a energia latente no corpo do praticante, pode ser despertada, purificada e direcionada.

A ascenção de kundalini não se dá, como muitos pensam erroneamente, de maneira linear, ela passa por vários caminhos/séfiras, percorrendo não apenas o pilar do equilíbrio, mas passando pelos pilares do rigor e misericórdia, e a cada séfira que alcançamos, a cada caminho que percorremos, um véu que oculta o que está por trás é rasgado, um novo conhecimento é adquirido e um novo grau de conhecimento e evolução é alcançado.

Kundalini – rasgando o véu de Isis

kundalini

kundalini

Como nos explica o Zohar, as séfiras tem na verdade a função de ocultamento da Luz Divina, são como filtros ou véus, que deixam passar a Luz do Criador em maior ou menor intensidade quanto mais densas e próximas a Malkut estão.

Para que se rasgue os véus é preciso preparo, pois uma mente e um corpo despreparados e desequilibrados, vão se deparar com forças e energias com as quais não saberá lidar.

Mente sã e corpo são, ou seja, saúde mental e física são fundamentais para o despertar do fogo de Kundalini, fundamental portanto termos uma vida equilibrada e saudável.

É importante que se tenha consciência de que nosso corpo é nosso templo, já que o Divino em nós o habita, portanto profanar o corpo é profanar o templo.

Kundalini – o despertar do Eu Superior

A função de kundalini é de aumentar na humanidade, o único lugar em que ele está realmente presente, seu eu superior.

No nível mais baixo de funcionamento, esse é o ego (Malkut – o reino), no seu mais alto, é a Divindade encarnada (Kether – a coroa), pois ambos são os dois lados da mesma moeda por assim dizer, já que Malkut é o espelhamento de Kether.

Na grande maioria das pessoas, a Kundalini, a energia libertadora da auto-consciência, encontra-se adormecida, dormindo na base da espinha, enrolado como uma serpente, daí sua representação.

Em minha experiência pessoal com esta energia poderosa, este fogo, calmo arde com tranquilidade rodeado pela escuridão, protegido no mais profundo de nós mesmos.

É uma visão bastante difícil de explicar, que provavelmente apenas quem o viu é capaz de entender, mas este fogo repousa ativo mas calmo, esperando o momento de despertar.

Kundalini – despertando a conciência

kundalini

kundalini

Em alguns casos, a Kundalini é despertada sem que haja um trabalho consciente no sentido de despertá-la, embora essa não seja a regra.

Nestes casos, é fundamental que o corpo astral esteja limpo, pois caso contrário o que acontece é um estado de psicose ou loucura.

Quando a Kundalini alcança o topo do crânio, Kether – a Coroa, ocorre o despertar espiritual, o contato com o Eu Superior.

O meu principal objetivo ao escrever este artigo sobre kundalini foi compartilhar minha experiência particular, já que acho importante sempre que experiências e conhecimentos devem ser compartilhados para que outros que estão na senda possam entender um pouco melhor suas próprias experiências e constatações, mas também como um alerta para aqueles que se guiam às cegas, lendo livros após livros que muitas vezes são bastante duvidosos e nocivos.

Enfatizo aqui, que os exercícios e meditações propostos para prática nas mais diversas Ordens Iniciáticas tem um propósito, e devem ser praticados, para que o despertar traga um conhecimento que conduza ao equilíbrio.

Paz e Luz.




Sobre o autor

Ariel bar'Zlay

Cristinna Saviani (Ariel bar'Zlay) tem sua formação clássica em Farmácia e Bioquímica pela PUCC, com foco em Homeopatia, Fitoterapia e Florais.
Estudante e praticante de Cabala desde a adolescência, iniciou seus estudos de astrologia como autodidata em 1997, posteriormente fazendo vários cursos de formação na área, na qual tem atuado profissionalmente desde o ano de 1999.
Acreditando que a maior qualidade da astrologia é levar o indivíduo ao autoconhecimento e consequente evolução, aprofunda a análise de seus clientes em todos os níveis disponíveis para que se chegue ao cerne das questões que inquietam e atrapalham a vida nos diversos campos da vida.
Natural de Campinas - SP, vive atualmente em Fortaleza, onde atua
na área de publicidade (CEO Staff Publicity), programação web, marketing e astrologia, fazendo análises de tema natal, previsão e mapa anual de fertilidade feminina.

3 Comments

  • Por favor, não tens mais livros apócrifos? Estou precisando tantos quantos forem possíveis.
    Adorei os livros que pude baixar aqui, pena que parecem poucos. Acho que podias disponibilizar mais livros, sobretudo apócrifos.

    • Boa noite Daniel, tenho muitos livros que vou colocar, especialmente de Cabala, mas alguns eu não consegui em português, ou com péssimas traduções. Na medida do possível colocarei mais livros ok?
      Grata por sua visite e seja sempre bem-vindo.

Deixe um comentário